To play, press and hold the enter key. To stop, release the enter key.

press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom

Principais peixes do Pantanal Matogrossense

Bacia do Paraguai

logo.png

Dourado

dourado.png

Espécie piscívora, predadores vorazes. Apresenta uma coloração em dourada com reflexos avermelhados, em cada escama apresenta um filete negro no meio, formando riscas longitudinais da cabeça a cauda. Peixe de porte grande podendo alcançar 1 metro de comprimento e pesar 25 kg.

Pintado

pintado.png

Peixe de couro, corpo alongado e roliço, cabeça grande e achatada. Sua coloração é cinza no dorso, clareando em direção ao ventre, esbranquiçada abaixo da linha lateral. Espécie de grande porte, pode alcançar mais de 1 metro de comprimento.

Cachara

caparari2.png

Peixe de couro, corpo alongado, roliço,cabeça grande e achatada. Sua coloração é cinza escuro no dorso, clareando em direção ao ventre. Apresenta algumas manchas arredondadas e alongadas no fim de suas faixas. Espécie de grande porte, totalmente sem escamas, podendo alcançar mais de 1 metro de comprimento total.

Pacu

pacu.png

Peixe de escamas, corpo romboidal e comprido. A coloração é uniforme, castanho ou cinza escuro. Dentes molariformes, alcança cerca de 50 cm de comprimento total. É considerado um dos peixes mais esportivos do Pantanal.

Piraputanga

piraputanga.jfif

Peixe de escamas, corpo alongado e pouco comprido. Sua cor é amarelada, nadadeira caudal é vermelha, com faixa preta que começa no pedúnculo caudal e chega até os raios centrais da nadadeira. Alcançam 50 cm de comprimento e pesam por volta de 2,5 kg.

Barbado

barbado.png

Esse peixe vive no fundo dos leitos de rios de médio e grande porte, geralmente com águas escuras e barrentas. É comum encontrá-lo próximos a vilas e a cidades. 

Seu tamanho adulto chega a 120 cm sendo mais comum 50 a 60 cm.

Jurupensém

jurupensem.png

Peixe de couro, corpo roliço, cabeça muito grande e achatada, boca arredondada. Dorso marrom escuro, passando a amarelado e esbranquiçado abaixo da linha lateral. As nadadeiras são avermelhadas ou róseas. Espécie de porte médio, alcança 70 cm de comprimento total

Jurupoca

jurupoca.png

Peixe de couro, médio porte, alcançando 60 cm de comprimento e com peso aproximado de 3 kg. A mandíbula é um pouco maior que o maxilar superior. A coloração pode variar de castanho esverdeado para o amarelo, o ventre é branco. Apresenta manchas preás ovaladas no corpo.

Palmito

palmito.jpg

Peixe-palmito é um peixe comum a todo o Brasil, onde também recebe os nomes de Mandobi, Mandubé, ou Palmito-de-ferrão. Pertencendo à ordem dos peixes-gato, destes difere por não possuir os barbilhões muito grandes, são curtos e franjados, e ainda por ter a nadadeira dorsal próximo à cabeça, em formato de aguilhão

Piauçu

piauacu.png

Peixe de escamas, curto e grosso, boca grande e terminal. A coloração é cinza escuro, por causa da borda lateral escura das escamas, espécie onívora com tendência a herbívora, nos peixes adultos são apresentadas 3 manchas escuras alongadas verticalmente. Alcançam 50 cm de comprimento.

Cachorra

cachorra-facao.png

O Cachorra possui escamas diminutas, corpo alto e comprimido. Sua boca é oblíqua, com uma fileira de dentes  e um par de presas na mandíbula. Estas são tão grandes que a maxila superior possui dois buracos para acomodá-los quando a boca está fechada. Suas nadadeiras peitorais são grandes. Possui coloração prata uniforme com uma mancha preta alongada atrás do opérculo. Pode alcançar mais de 1 m de comprimento total.

Jaú

jau.png

Peixe de grande porte, podendo alcançar 1,5 metros de comprimento e pesar por volta de 100 kg. Seu corpo é grosso e curto, sua cabeça grande e achatada, sua coloração varia do parto esverdeado claro a escuro no seu dorso, seu ventre é branco, apresentam pintas claras espalhadas pelo seu dorso.